Notícias

15/02/2019 | Nova versão Titanium do EcoSport será conhecida neste sábado na Amisa Ibirubá

Nas demais configurações do modelo - SE, FreeStyle e Storm -, o estepe externo continua presente. Segundo a marca, essa diferenciação visual do EcoSport Titanium segue a tendência de SUVs de vocação mais urbana. "Os consumidores agora têm a possibilidade de optar por uma versão mais urbana ou mais aventureira, de acordo com a sua preferência e perfil de uso", diz Adriana Carradori, gerente de produto da Ford. A alteração visual está diretamente relacionada com a adoção dos pneus do tipo Run Flat, inéditos na categoria. Produzidos com laterais reforçadas, eles permitem continuar rodando mesmo se um deles perder totalmente a pressão interna, respeitando determinados limites de distância e velocidade. Logo, veículos com essa tecnologia de pneus dispensam estepe, macaco e chave de roda. Em caso de um furo, o motorista é avisado pelo sistema de monitoramento de pressão dos pneus, mas não precisa interromper a viagem, podendo fazer o conserto depois, com maior conveniência e segurança, evitando paradas em locais de risco. Os pneus do EcoSport Titanium são da fabricante Michelin e conseguem percorrer até 80 quilômetros à velocidade de 80 km/h com pressão zero. Utilizando um kit de reparo que acompanha o veículo, essa distância aumenta para 200 quilômetros, mantendo o mesmo limite de velocidade. Equipado com o motor 1.5 Ti-VCT Flex de três cilindros, que rende 137 cv de potência, e transmissão automática de seis marchas com aletas para acionamento manual no volante, o EcoSport Titanium custa R$ 103.890,00. Por esse valor, oferece de série teto solar elétrico, sete air bags, sistema de monitoramento de ponto cego e tráfego cruzado, sensor de presença para acesso inteligente e partida sem chave, central multimídia Sync 3 com tela de oito polegadas, faróis de xênon, luzes diurnas de LED, sensor de chuva e rodas de liga-leve de 17 polegadas, entre outros. A engenharia da Ford efetuou uma recalibração da direção elétrica e revisou os sistemas de suspensão e freios para garantir o desempenho, a dirigibilidade e a economia de combustível do EcoSport Titanium, que ainda ficou 13 quilos mais leve. O trabalho de refinamento envolveu também um melhor isolamento acústico da cabine. Desde a versão de entrada SE, o propulsor é o mesmo 1.5 litro de três cilindros. Igualmente, são padrão o controle eletrônico de estabilidade e tração, assistente de partida em rampa, sistema de proteção anticapotamento, rodas de liga-leve de 15 polegadas e multimídia Sync 2.5 com tela de sete polegadas. O preço é de R$ 78.990,00 com câmbio manual e de R$ 84.990,00 com caixa automática. Na configuração FreeStyle há acessórios de estilo exclusivos e os acréscimos de ar-condicionado automático e digital, câmera e sensor de ré, bancos em couro ecológico e rodas de liga-leve de 16 polegadas, por R$ 85.890,00 com transmissão manual e R$ 91.890,00 com câmbio automático. O EcoSport Storm é o único da linha 2020 a receber um motor 2.0, de 176 cv de potência, e tração integral (4WD). Além de transmissão automática e design especial, o modelo traz capa de estepe rígida personalizada e teto solar elétrico, custando R$ 108.390,00.

A nova versão do EcoSport Titanium será apresentada para clientes e imprensa, em um café da manhã, na loja da Amisa Ibirubá. 

Fonte Jornal do Comércio

Fotos ilustrativas