Dicas

04/06/2013 | Gasolina Comum X Aditivada

Caso você já tenha se perguntado por que valeria a pena pagar alguns centavos a mais no litro da Gasolina e usar a opção aditivada disponível, nós entrevistamos Leandro Hemann, Gerente dos Postos Amisa para explicar.

Conforme Leandro, a Gasolina comum é simplesmente refinada enquanto a Gasolina Aditivada contém Aditivos (detergentes e dispersantes) que conseguem limpar e manter limpas todas as partes que entram em contato com o combustível – bicos injetores, válvulas, câmera, cabeçote e carburador.

Caso você sempre tenha usado gasolina comum e está considerando usar a aditivada, é importante fazer a troca gradativamente. A gasolina comum deixa resíduos no motor e com o uso da gasolina aditivada, esses resíduos serão expelidos, limpos (lembra dos aditivos?). Muitas vezes a troca abrupta faz com que o carro apresente falhas e entupimentos. A troca gradativa significa que você deveria abastecer primeiramente 80/20 entre comum e aditivada, depois 70/30, depois 50/50 e então um tanque 100% gasolina aditivada, desta forma os resíduos serão expelidos aos poucos.

Não há problema em misturar as duas gasolinas. Porém, haverá uma diluição do aditivo existente na gasolina aditivada causando uma redução do poder de limpeza do sistema de alimentação do veículo. Dependendo da quantidade de gasolina comum que for adicionada a gasolina aditivada o pacote de aditivos pode até perder o seu efeito.

Você poderia até mesmo se perguntar se a gasolina deixaria o carro mais potente. Mas não, a gasolina aditivada não aumenta a potencia do motor, porém melhora o seu desempenho, já que mantém o sistema limpo.

A diferença em um tanque cheio é muito pequena e os benefícios que você obtém são grandes: motor funcionando em plena capacidade, sem desperdício de combustível e diminuição da poluição. Melhor pro seu carro. Melhor pra você.